Regata no canal marca disputa da Semana de Vela de Ilhabela

26/07/2018 22:02

Os veleiros em disputa na 45ª Semana de Vela de Ilhabela trocaram as habituais regatas barla-sota, entre boias, por uma regata de médio percurso mais ao sul da ilha, nesta quinta-feira (26). Tudo para aproveitar ao máximo a entrada do vento acelerado pelo canal de São Sebastião, com rajadas de até 15 nós (cerca de 28 km/h).

A correnteza foi a vilã do dia, fazendo com que a regata fosse decidida em pequenos detalhes. Na classe Bico de Proa, a experiência e a técnica contou pontos para as equipes. O Seu Pimenta, que trocou de barco este ano, comemorou o trabalho bem feito. A equipe de Flávio Farkouh estreia mais uma vez um barco novo em Ilhabela. Em 2016, a tripulação correu num veleiro de 17 toneladas de aço e de lá pra cá vem trocando de veleiro, cada vez mais rápido!

“Foi fácil. Corremos atrás do Tranquilo e fizemos a regata certa, os bordos certos”, disse o comandante Flávio Farkouh. “Vamos fazer a nossa regata e buscar a vitória.”

A 45ª Semana de Vela de Ilhabela atraiu de volta equipes que fazem parte da história da competição, caso do Futuro, de André Rovaroto. O veleiro de Ubatuba participou de pelo menos 12 edições da competição, e retornou a Ilhabela após uma ausência de dois anos.

“Fiquei curioso com a competição deste ano. E tivemos uma regata emocionante, hoje”, comemorou o comandante. “Acordamos em primeiro lugar, e tínhamos que defender essa boa colocação. Nos organizamos de uma maneira bem técnica para que pudéssemos chegar nesse objetivo. Graças a essa organização, tivemos um bom êxito.”

Ginga busca o quinto título da Semana de Vela na HPE25

Os HPE25 tiveram duas regatas realizadas na raia montada exclusivamente para a classe, do outro lado do canal de São Sebastião. Com 100% de aproveitamento, o Ginga (Breno Chvaicer) busca o pentacampeonato da Semana de Vela e é o barco a ser batido.

“Tivemos um bom dia, com sol e vento não muito forte. A raia estava muito bem montada, e conseguimos passar bem todas as boias”, contou Breno Chvaicer. “Temos tido vento toda a semana, condições boas para velejar. Ainda é cedo para pensar nos resultados, muita coisa pode acontecer. Mas estamos indo bem.”

Autor: Flávio Perez

Flávio Perez é jornalista esportivo e gestor de esportes.

Compartilhe: