Home Opinião Punição

Punição

Pensamento do Dia
“Você não sabe o que é a morte, então você não tem de ter medo da morte. Você tem de ter medo é da desonra, dela você tem de ter medo, isso mata você. ”José Alencar,
ex-vice-presidente da República ”

A presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou que pretende propor mudanças no Estatuto das Cidades para punir administradores públicos que permitirem ocupação irregular do solo. O objetivo é evitar desastres envolvendo populações que vivem em áreas de risco. “As tragédias ocorrem, em boa parte dos casos, pela ocupação de áreas de risco. Administradores públicos que permitam ocupação irregular serão responsabilizados”, afirmou Rousseff.

Erradicar a pobreza
A presidente Dilma Rousseff (PT) admitiu, pela primeira vez, que os quatro anos de seu mandato podem não ser suficientes para erradicar a miséria no país. O combate à miséria foi uma das principais promessas de Dilma durante a campanha eleitoral e consta em documento intitulado Diretrizes do Governo da presidente Dilma divulgado no site da Presidência.

Pior fiscalização
A Controladoria Geral da União (CGU) admitiu que a Saúde tem a pior fiscalização do governo devido ao controle “absolutamente insuficiente” das transferências para estados e municípios. As mesmas falhas contaminariam o também bilionário orçamento da Educação. Diga-me uma novidade, isto estamos velhos e carecas de saber. Demorou!

População da Índia
A população da Índia aumentou na última década quase o equivalente a um Brasil, segundo os resultados do censo de 2011 do país. Nos últimos 10 anos, a população indiana aumentou em 181 milhões de pessoas, quase o mesmo que a população total do Brasil, de pouco mais de 190 milhões de habitantes, segundo os dados mais recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

População de 1,21 bilhão
A Índia tem mais habitantes que os Estados Unidos, Brasil, Paquistão e Bangladesh juntos. O censo da Índia, feito a cada 10 anos, é o maior do mundo. Cerca de 2,5 milhões de funcionários visitaram as residências em cerca de sete mil cidades e 600 mil vilarejos.

Filme de Marina
A vida da ex-senadora e ex-candidata à presidência, Marina Silva (PV), vai se transformar em um filme, dirigido por Sandra Werneck. O objetivo é mostrar diferentes partes da trajetória de Marina, sua infância sofrida, sua alfabetização e sua entrada na vida política. A ideia surgiu a partir da biografia da ex-senadora, lançada em 2010 pela jornalista Marília de Camargo.

Desencarna
O ex-presidente Lula ainda não desencarnou do cargo, como ele mesmo admite. E faz pouca força para tal. Está sempre ao telefone com Dilma Rousseff, dizem amigos próximos da presidente.

Pacote
Conforme informações do deputado e presidente da Assembleia, Gelson Merísio (DEM), o governador Raimundo Colombo está elaborando um pacote de projetos de obras e serviços no valor de 10 bilhões.

Gasolina
Não vai demorar para que a gasolina comercializada chegue aos R$ 3, fato que já é esperado e será realidade para os motoristas. A população nada faz e nada pode fazer a não ser reclamar. Não temos poder de aglutinação. O Brasil, autossuficiente em petróleo e detentor do álcool automotivo de cana de açúcar, pratica um dos preços mais altos de toda a America Latina. Não dá para engolir.

José Alencar: 1931 – 2011
Um homem que pensava, que falava o que sentia, criticava quando necessário, mesmo quando incomodava alguns jornalistas econômicos e o governo ao qual servia. Menos uma voz contra a ditadura do “pensamento único”. Já faz e fará muita falta ao Brasil. Como disse um dia o escritor Ernest Hemingway: “O homem não foi feito para a derrota. Ele pode ser destruído, jamais derrotado.”

O mensalão
Primeiro, foi um aliado descontente com a partilha de poder e dinheiro. Em maio de 2005, o então deputado federal e presidente do PTB, Roberto Jefferson, botou a boca no trombone e denunciou o que veio a ser conhecido por mensalão – um esquema de distribuição de dinheiro a parlamentares da base do governo Lula.

Compartilhe: