Home Notícias Política Vereadores visitam DIARINHO

Vereadores visitam DIARINHO

O DIARINHO recebeu esta semana a visita de dois vereadores estreantes de Itajaí. O pastor Edson Lapa (PR) e o portuário Robson Coelho (PSDB) vieram conhecer a redação e falar como pretendem toca as ações em seus mandatos.
O pastor Lapa adianta que uma de suas prioridades são ações relacionadas ao problema da dependência química. Ele lembra que a igreja da qual é um dos líderes, a Missões Evangelísticas Vinde Amados Meus (Mevam), nasceu justamente de uma comunidade terapêutica.
Para o vereador do PR, a prefeitura deveria ter um órgão da saúde e assistência social voltado exclusivamente para dependentes químicos, uma situação que ele considera gravíssima na cidade. “O problema da dependência química só piora,” avalia.
Para ele, o atendimento aos dependentes deve ser maior do que apenas tirar uma pessoa das drogas. “Queremos a liberação, mas também a reintegração social e na família. É preciso mais do que afastar as pessoas em comunidades terapêuticas, é preciso dar qualificação profissional para essas pessoas”, sugere.
Outro problema que o pastor Lapa afirma que vai se debruçar é a situação dos moradores de rua na cidade. “A população de rua e a dependência química estão muito ligadas”, observa. Para o vereador, é preciso uma casa de passagem em que o morador de rua seja recebido e tenha sua situação pessoal encaminhada com alguma ação.
Mesmo sendo eleito numa coligação da oposição, o pastor Lapa afirma que integra o bloco de apoio ao prefeito Volnei Morastoni e que tá na base do governo.

Tucano na oposição
O tucano Robson Coelho, que também visitou o DIARINHO, garante que vai ficar na oposição. Para ele, a oposição contribui para a cidade e até para o próprio governo porque exerce um poder fiscalizador. Tanto que esta semana Robson protocolou um projeto de lei que cria o Conselho Municipal de Transparência e Combate à Corrupção.
Aos moldes dos demais conselhos municipais, este órgão teria representantes da prefeitura e da sociedade civil (sete pra cada lado). Cidades como Blumenau, ressalta, já têm esse tipo de conselho, que fiscaliza e propões ações de boa gestão ao governo municipal.
Portuário e professor universitário, Robson Coelho revelou que já tem pronto um anteprojeto que vai encaminhar ao prefeito e que apresenta ações de gestão eficiente, uma das bandeiras que vai levar enquanto vereador.
Ações voltadas pra melhoria da qualidade de vida da população também tão na pauta, diz. Uma delas é um projeto que pretende reduzir o tempo para que a prefeitura notifique os proprietários de terrenos baldios e que exija a limpeza dos imóveis. “Hoje é 30 dias para a notificação e mais 30 para a limpeza. A proposta é que seja de 15 dias mais 15 dias”, revela. Depois disso, a prefeitura deve fazer a limpeza do terreno e cobrar do proprietário no carnê do IPTU. 

Compartilhe: